Alergia Alimentar Canina

A alergia alimentar canina é muito comum, saiba quais os sintomas e como tratar

Artigo publicado por Bruna nas categorias: Animais, Variedades

As intolerâncias alimentares são um mau que não afeta apenas as pessoas, mas também os animais domésticos como os cachorros. Esta intolerância também conhecida como alergia alimentar canina pode ser identificada e tratada pelo veterinário. Hipersensibilidade alimentar ou dermatite trofo-alérgica é outra forma de chamar esta falta de aceitação do corpo para algum alimento.

cão doente

O que é a Alergia Alimentar em Cães?

Para saber como identificar e cuidar, é preciso entender o que é a alergia alimentar nos cães. Assim como nas pessoas, esta é a sensibilidade do corpo a um determinado alimento. Este alimento recebe o nome de alergeno. Quando o sistema do corpo rejeita ou não recebe bem o mesmo, causa reações que podem aparecer em minutos, horas ou até dias.

Como é Transmitida?

Como a alergia é uma reação do corpo em relação a um alimento, não existe uma transmissão da doença ou profilaxias. O diagnóstico final pode ser feito apenas pelo veterinário.

Sintomas

Os chamados sinais clínicos da alergia canina aparecem na pele e no intestino. Os sintomas da alergia alimentar canina são inflamação, coceiras, lesões cutâneas, diarreia, vômito, flatulência, dor abdominal. A falta de apetite e perda de pelo são outros sintomas que podem aparecer. O animal pode se tornar alérgico para toda a vida.

Tratamento

O tratamento da alergia é dado apenas pelo veterinário, ele possui o conhecimento preciso para reverter a alergia alimentar nos cachorros. Este tratamento é feito retirando da alimentação do animal o alimento que lhe faz mal, e para os sintomas que apareceram por causa da reação alérgica, alguns remédios auxiliam. Para identificar o alimento o veterinário realiza uma dieta para descobrir o alergeno, conhecida como dieta de eliminação.

Prevenção

Para este caso o tratamento preventivo é cuidar da alimentação do cachorro, dando a ele apenas alimentos feitos especificamente para eles. Nada de dar comida que os donos ingerem como carne bovina, suína, doces e alimentos industrializados. Os donos devem evitar qualquer alimento fora da ração. Outros fatores importantes como a higienização do animal e visitas regulares ao veterinário podem evitar este problema. A prevenção da alergia alimentar em cães nada mais é do que ter os cuidados adequados com eles.



Comente!




*Campos obrigatórios